quarta-feira, dezembro 12, 2007

Pensando ...


A alma resiste muito mais facilmente às mais vivas dores do que à tristeza prolongada
Jean Jacques Rousseau



Nota: Petição em Prol das Crianças Vítimas de Abusos Sexuais
(clicar pfvr.)

29 comentários:

Paula Raposo disse...

Verdade! Elas não matam mas moiem...beijinhos.

Miguel disse...

Isabel,

Para tentar evitar mais dores, assinei a petição ...!

Assinante nº 2071 ...!

Bjks da M&M & Cª!

Marco Ferreira disse...

Adoro estes teus trabalhos a preto e branco com apenas uma cor intensa.

marinheiroaguadoce a navegar

Isabel-F. disse...

Paula,


é isso ...


bjs

Isabel-F. disse...

Miguel,


obrigada.
acho um dever de todos nós.


Isabel-F. disse...

Marco,

são os que eu mais gosto de fazer ...


beijinhos

guiga disse...

Concordo!
*.*

Isabel-F. disse...

guiga,


beijinhos para ti

aDesenhar disse...

Gosto do teu pensar.
Como sabes, os teus trabalhos a duas cores são os meus preferidos.

bj


esquisso: continua com pensamento alargado, pode ser que eu conclua hoje o post do quebra-monas.
:-)

Isabel-F. disse...

aDesenhar,


sim ... eu sei que gostas ...


quanto ao quebra-monas.... rsss...
é mesmo isso.


bjs

peciscas disse...

Eis mais uma frase que nos faz pensar.
E a tua excelente imagem,torna mais convidativa a reflexão.

Isabel-F. disse...

Peciscas,

obrigada ... és sempre tão simpático ...


beijinhos

wind disse...

Grande frase e belo trabalho!
beijos

Isabel-F. disse...

Wind,

Obrigada.

Beijinhos para ti

Amaral disse...

Isabel
Mais uma obra prima. Pensei se ela estaria a pensar em mim, depois acordei e reparei que não havia motivos.
Bjo

lena disse...

Isabel é um prazer muito grande vir até este teu cantinho tão precioso


os teus trabalhos encantam.

a frase diz tanto e está muito bem enquadrada.

lembrei-me que um dia brinquei com a alma e escrevi assim:


o que a alma necessita


precisa de saber caminhar no coração
ter vida, mesmo que seja simples
não se torcer em agonias
matar a fome com um olhar,
mesmo que seja cega
desejar com prazer, o corpo que a une
deixar crescer o amor,
como se fosse uma árvore
dizer não
à voz da separação,
extrair do prazer o esquecimento
saber perder-se no aroma de um corpo,
saborear carícias, seduções e miragens
esculpir o amor com a vida
precisa, sim precisa
ser tocada com um corpo


o que a alma necessita o corpo também deseja!

l. maltez


deixo-o aqui para ti, assim, palavras presas sem fios


já assinei a petição no outro lado e estou contigo nesse gesto de solidariedade


um abraço meu, com carinho

beijinhos para ti

lena

Eduardo P.L. disse...

É verdade!

Águas da Vida disse...

Amigona uma excelente quarta-feira para ti.
Big Kiss

ecos... disse...

... e um lábio torturado que a angustia ...
... olhos lindos que a arte em cor forte ...
... espalha uma triste dor de alma viva

beijinhos, Isabel Filipe

São disse...

Parabéns pelo trabalho, minha linda!
Abraços.

Odele Souza disse...

Este rosto está deslumbrante!

Um beijo.

Isabel-F. disse...

Amaral,


rsss....


sempre tu ...


bjs

Isabel-F. disse...

Lena,

Obrigada pelo belo poema ...


simplesmente adorei.


beijinhos

Isabel-F. disse...

Eduardo,


pois é ...


bjs

Isabel-F. disse...

Amanda,

Obrigada e beijinhos para ti

Isabel-F. disse...

ecos,

adorei as tuas palavras ...

obrigada ...


beijinhos

Isabel-F. disse...

São,


beijinhos para ti e obrigada

Isabel-F. disse...

Odele,

rsss...

também acho ...


beijinhos

Meg (Sub Rosa) disse...

Wow!
Isabel.
Como se diz cá no Brasil:
Demorê para abalar!
Arrebentou!
Lindo, pungente e verdadeiro.
A Isabel foi ver o meu post acerca da Flavia?
Um Felicíssima Natal.
Que o ai atal realize todos os teus sonhos , tanto os de tua luta social, humana , solidária e generosa e conscientemente militante pelo BEM, quanto os teus pessoais e íntimos.
Adoro-te.
Beijinhos de imensa e intensa admiração e afeto.
Meguita-SubRosa