terça-feira, fevereiro 28, 2006

Projecto Esperança.

"Que quem já é pecador
Sofra tormentos, enfim!
Mas as crianças, Senhor
Porque lhes dais tanta dor?!...
Porque padecem assim?!..."
Augusto Gil, in Balada da Neve


O que é o Projecto Esperança ? (clica)
Não se pode exprimir por palavras a dor de um pai e de uma mãe ao perder o que de mais precioso têm na vida, o seu filho. Não existem palavras que traduzam o desespero e o sofrimento de uma criança a quem lhe é roubado o mundo em que vive.
Não queremos nem podemos ser indiferentes a toda esta infelicidade que nos rodeia, se cada um de nós der um pouco do seu tempo, do seu trabalho e da sua força podemos mudar algo. O nosso pouco pode levar muita esperança aos que dela vivem.
Desenvolvemos alguns cartões que poderá colocar facilmente no seu site pessoal, comercial ou blog. Estes cartões têm fotografias e informações de crianças desaparecidas em Portugal.
A internet é um poderoso recurso no combate a este tipo de problemas. Juntos poderemos levar estes rostos a milhares de pessoas.
Não permita que estas crianças caiam no esquecimento. Colabore!

Oi...Bom Dia,

Eu juntei-me a este movimento e já coloquei na minha barra lateral direita a foto com as crianças desaparecidas. Não queres fazer o mesmo?

Beijos,

Isabel


26 comentários:

Anónimo disse...

É com muita satisfação que entendo, esta sua adesão a este projecto, que com diz de apoia neste poderoso meio de comunicação que é a INTERNET.
Com este tipo de atitude, e com a possivel divulgação em outros blogs, pode chegar-se a milhares de pessoas que diariamente tomaram conhecimento desta realidade, ficaram mais alerta, e poder-se-ão, encontrar algumas destas crianças, quer aqui perto, quer por esse mundo fora, obrigado e parabens pela iniciativa.
Já agora, o poema de Augusto Gil, adapta-se perfeitamente ao tema, alias toda a Balada da Neve, é excelente.

JMC

JMC disse...

Desta vez saiu anonimo, mas o post anterior, foi escrito por JMC

Anónimo disse...

isabel,
Maravilha de post!
tudo perfeito, o aspecto social a poesia a imagem. Parabéns por mais este belissimo e importante trabalho.
Beijos, Andréa Motta

Águas da Vida disse...

Nossa Isabel fiquei comovida com teu post de hoje. Realmente a criança é tudo no mundo, o futuro do amanha, se nao cuidamos das nossas crianças (criança do mundo) esses se tornarao nossos estrupadores, assassinos, ladroes, tudo porque nao teve o minimo de amor, atençao. Como é triste ver a lagrima nos olhos de uma criança. As vezes nas minhas reflexoes quando leio uma noticia em jornal ou mesmo na televisao de um homem que fez alguma coisa de terrivel a primeira coisa que mi vem em mente é que tipo de criança ele foi? Tenho certeza que encontraremos algo de terrivel na sua infancia.
Big Kiss

Cristina disse...

Isabel,
Tens razão quando dizes que é uma óptima ideia de colocar nos nossos blogs, afinal eles são vistos por milhares de pessoas que navegam na internet, e nem que seja encontrada uma criança já valeu a pena...
Acho que também o vou fazer, obrigada pela sugestão.
:)
beijinhu

Isabel-F. disse...

Jmc,
Obrigada pelas tuas palavras;

Andrea,
Obrigada;

Águas da Vida,
Não nos devemos nunca esquecer dos que nos rodeia...não é?

Cris,
Acho que sim...vale sempre a pena tentar;

Bjs a todos

Clitie disse...

Não imagino sequer a dor que será para um pai não saber de um filho, penso que nem sequer é o factor morte, porque isso terás de encarar um dia mas o não saber o que a criança está a sofrer ou porque desapareceu, deve ser algo de terrivelmente destruidor!

Bj

Roberto Eifler disse...

Belo projeto. Meus parabéns. A internet não serve só para escrever diários íntimos ou buscar reconhecimento público.

wind disse...

Bom trabalho humanitário a que te juntaste. Só não o faço porque tenho a página do blog cheia e já custa muito a abrir. Beijos

Isabel-F. disse...

Clitie,
...não se consegue imaginar;

Roberto Eifler,
Obrigada pelas tuas palavras;

Wind,
Obrigada;

Bjs a todos

Joca disse...

São pequenos gestos que podem fazer a diferença...

lusoblogger disse...

Eu quero aderir...
explica como faço para o emu mail..
logo..logo estarei(embora na Lua!)a mostrar aos meus visitantes o drama que se vive em Terra!

Manuel Palhares disse...

Isabel,

Já dei o devido destaque ao PROJECTO ESPERANÇA em dois locais locais diferentes.
Obrigado pelo teu alerta e nunca hesites em me alertar para estes assuntos tão graves, que terão sempre o meu apoio.
Um beijinho,

Manel

Isabel-F. disse...

Joca,
Concordo...;

Lusoblogger,
Já te envia uma mensagem para o teu mail;

Manel P.,
Fico muito contente;

Bjs a todos

chuvamiuda disse...

.....no meu canto, dedico especial atenção aos abusos sobre as crianças, aliás é por via desses abusos, que o rapto de crianças acontece, e é com alguma tristeza que verifico que as pessoas se coíbem de comentar e de condenar de forma enequivoca, tamanhas atrocidades......
Beijinho

Isabel Magalhães disse...

Uma atitude muito cívica esta tua... o que aliás é apanágio do blog.

bj. :)

Isabel-F. disse...

Chuva,
...já vi que tb colocaste o link no teu Blog...fico feliz;

Isabel M.,
Obrigada pelas tuas palavras.

Bjs a ambos

Lumife disse...

Isabel

Agradeço o teu alerta e já coloquei.

Beijos

Isabel-F. disse...

Lumife,

Fiquei feliz.

Bjs

Luh disse...

Zabelinha:
Já te tinha copiado para diferentes páginas, e agora também já está no blog o que escreveste hoje.
Obrigada
E já votei....lol...

A.J.Faria disse...

Bonito gesto!
beijo

Marco Ferreira disse...

Muito boa a maneira como mostras este problema.

Já coloquei no meu espaço.

marinheiroaguadoce a navegar

Alessandro_PPG disse...

Gostei muito da imagem chamada Fantasia! è bem editada e de muito bom gosto! Parabéns pelo conceito do seu blog! Abraços!

caminante disse...

Bellísimo poema.
El dolor es siempre un misterio. Si lo entendemos como castigo, ¿por qué sufre un inocente? Pero el dolor no es un castigo, es propio de la criatura caída.
El dolor comienza a entenderse un poco a la luz del Gran Inocente, el Crucificado, que por amor -Él no tenía pecado- se dejó clavar en la Cruz. Y unió a su Madre en el dolor. Madre Purísima.
El dolor siempre será un misterio.
Recibe un poco de luz desde el amor. Como el dolor de una madre.
Un fortísimo abrazo.

ferrus disse...

É um flagelo. Uma raiva que encontro em mim pelo que fazem a essas crianças. A dor? Espero nunca a sentir!

Delfim Peixoto disse...

Boa!!!
É preciso isto mesmo.