segunda-feira, abril 14, 2008

Uma Casa Portuguesa ...


Música: V. M. Sequeira; Artur Fonseca

Letra: Reinaldo Ferreira


Numa casa portuguesa fica bem

pão e vinho sobre a mesa.

Quando à porta humildemente bate alguém,

senta-se à mesa co'a gente.

Fica bem essa franqueza, fica bem,

que o povo nunca a desmente.

A alegria da pobreza

está nesta grande riqueza de dar, e ficar contente.


Quatro paredes caiadas,

um cheirinho a alecrim,

um cacho de uvas doiradas,

duas rosas num jardim,

um São José de azulejo

sob um sol de primavera,

uma promessa de beijos

dois braços à minha espera...


É uma casa portuguesa, com certeza!

É, com certeza, uma casa portuguesa!


No conforto pobrezinho do meu lar,

há fartura de carinho.

A cortina da janela e o luar,

mais o sol que gosta dela...


Basta pouco, poucochinho p'ra alegrar

uma existéncia singela...

É só amor, pão e vinho

e um caldo verde, verdinho

a fumegar na tijela.


Quatro paredes caiadas,

um cheirinho a alecrim,

um cacho de uvas doiradas,

duas rosas num jardim,

um São José de azulejo

sob um sol de primavera,

uma promessa de beijos

dois braços à minha espera...


É uma casa portuguesa, com certeza!

É, com certeza, uma casa portuguesa!


A música de fundo que toca é a versão que foi celebrizada pela nossa Amália Rodrigues. Convido-os, a ouvirem a versão na voz de João Maria Tudela (desliguem o som na barra lateral direita e liguem nos comandos que seguem) ... para os que eventualmente não saibam, esta música, uma das minhas preferidas da música portuguesa, foi escrita, musicada e cantada por gente do Moçambique onde nasci.

Bom ... e hoje é novamente 2ª feira ... dia de vos desejar uma boa semana

Beijo,

Isabel

reposição de Post de 27.10.2006

59 comentários:

Paula Raposo disse...

Um post magnífico!!! Boa semana para ti, também. Beijinhos.

anamarta disse...

Bom dia
Mais um post excelente para começar bem a semana!
obrigada
boa semana para ti também.
beijinhos

Maria Clarinda disse...

Maravilha Isabel de post.
Não, não sabia. Mas adorei saber.Não sou de Moçambique , mas sou de Angola...e vai dar ao mesmo , né?
Jinhos mil.

Isabel-F. disse...

Paula,

que bom que gostaste ...

fico feliz.


bjs

Isabel-F. disse...

Obrigada Anamarta e beijinhos para ti

Isabel-F. disse...

maria clarinda,

claro que vai dar ao mesmo ...

os sentimentos e o modo de estar são iguais ...


beijinhos

Amaral disse...

Isabel
Que bela forma de começar a semana. Belíssima imagem. Parabéns.
Boa semana
Bjo

Isabel-F. disse...

Amaral,

Achas mesmo?

Ora ainda bem ... fico contente...

bjs

Maria Sá Carneiro disse...

Uma boa ajuda para começar a semana.
Parabéns, gostei muito.
Boa semana

Beijos

Maria

wind disse...

Magnífica imagem! Parabéns:) Beijos

Odele Souza disse...

Bom dia Isabel!

Teu trabalho de hoje ilustra muito bem esta música de letra belíssima:

"...uma existéncia singela...
É só amor, pão e vinho
e um caldo verde, verdinho
a fumegar na tijela..."

Sentir-se bem. Simples assim.

Um beijo e boa semana pra ti também.

Isabel-F. disse...

maria,

obrigada pelas tuas palavras ...

é um prazer ter-te aqui.

beijinhos

Isabel-F. disse...

Wind,

Obrigada e beijinhos

Isabel-F. disse...

Odele,

as coisas por vezes são bem simples ... nós é que as complicamos ... tb eu gosto imenso da letra desta música ...

beijinhos

São disse...

Venho agradecer-te a autorização de utilizar o teu magnífico trabalho sobre a SIDA, que está a ilustrar o meu post de hoje: bem hajas!!
Que engraçado. Não sabia que o poema era de Reinaldo Ferreira, poeta que muito aprecio. Nem que Tudela tinha uma versão.
Mas, linda, não consegui ouvir nenhuma.
Feliz semana.

Isabel-F. disse...

São,

Nada tens a agradecer-me ... sabes que as podes usar sempre que queiras ...

____________

não sei por que motivo não ouvirás as músicas ... mas elas estão a funcionar, pois fui verificar ...

beijinhos

Maria Sá Carneiro disse...

Isabel:


O prazer é todo meu.

Beijos

Maria

Mocho-Real disse...

Gosto do quadro, fresco e suave.

O João Maria Tudela sempre cantou muito bem!

Boa semana.
Um abraço.

Graciela de Palomas de Papel disse...

Isabel AMIGA, bello muy bello.
Con el blog, me he dado cuenta que muchas casas en el mundo se parecen...hoy te invito a MATEAR...
Beijos y más beijos y unos abrazos perfumados para vos.

Isabel-F. disse...

querida Maria,

um grande beijinho para ti e
muito obrigada ...ou melhor, Kanimanbo, como se diz na terra onde nasci...

Isabel-F. disse...

Obrigada Jorge.

Tb gosto muito do Tudela ... mas eu sou suspeita ... ele é da minha Terra ...


bjs

Isabel-F. disse...

Graciela,

Obrigada pela visita ... já estive no teu Blog e deixei-te lá a minha mensagem ...

beijinhos

aDesenhar disse...

um post com cheirinho a alecrim
boa semana p/ti também Isabel

:-)

Luma disse...

Eu escuto essa música desde criança, Isabel! Bela lembrança! Boa semana! Beijus

bisturi disse...

olá obrigado pela imagem . Irei utilizá-la com o destaque que realmente merece.
Darei notícia disso...ok?

Fascinação disse...

Olá, cheguei até aqui porque vi seu endereço no blog da minha grande amiga Cris Sousa e sinceramente que me decidi a escrever algumas palavras pois não passo incógnito em nenhum lugar, mas essas fugiram-me fiquei extasiado com o que vi e que li. Meus sinceros parabéns pelo belo trabalho realizado, só pode sair uma maravilha destas de uma pessoa maravilhosa decerto. Abraço amigo do A.Cha.

Amaral disse...

Desejo a todos os que tiveram a paciência de me ler ao longo de mais de três anos, um eterno momento de felicidade nas vossas vidas terrenas e que, cedo, entendam no vosso coração o porquê da dádiva que foi experienciarem a Vida desta forma...
Na certeza de que o Deus do vosso entendimento falar-vos-à sempre na voz da vossa consciência!
OBRIGADO!!!
(Amaral Nascimento)

aDesenhar disse...

nesta casa (blog)portuguesa sai Background
no teu estilo característico e que tão bem te define ou não?!
mãos à obra Isabel.
apoio esse projecto.
:-)
bjs

Águas da Vida disse...

Querida Isabel...
Um excelente inicio de semana e parabéns pela poesia e pela obra de arte, tens muito haver binarios da vida ambos.
Big Kiss

Maria Augusta disse...

Muito legal este post sobre a casa portuguesa, tanto a música quanto a ilustração. Tem uma outra casa portuguesa onde venho sempre e que gosto muito, chamada "Art & Design de Isabel Filipe". Além do "pão e vinho sobre a mesa", tem muito talento e simpatia.
Um beijo.

poetaeusou . . . disse...

*
magnifico, como sempre, isabel,
,
conchinhas
,
*

Isabel-F. disse...

adesenhar,

eu gosto do cheiro a alecrim ...


bjs

Isabel-F. disse...

luma,

a sério?
fiquei curiosa em saber a razão ...

beijinhos

Isabel-F. disse...

bisturi,


nada há a agradecer ... fiz com prazer ...


bjs

Isabel-F. disse...

Oi A. Cha (fascinação)

Viva e bem vindo aqui ao meu sítio ...
obrigada pela visita e pelas palavras deixadas ...

sou amiga do peito do Cris ... conheço-a há anos ...

espero ver-te por aqui mais vezes ... a casa é tua ...

beijinhos

Isabel-F. disse...

adesenhar,

achas mesmo?

tenho um bocado de receio ... não ficará bonecada a mais?


beijinhos

Isabel-F. disse...

Amanda,

Obrigada e beijinhos para ti

Isabel-F. disse...

maria augusta,

és uma querida ...


muito OBRIGADA e beijinhos para ti

Isabel-F. disse...

poetaeusou,

sempre simpático ...


obrigada


bjs

Isabel-F. disse...

Amaral N.

eu tenho tanta pena que acabes o teu Blog ... nem sei como me expressar ...

mas claro que te entendo ...

beijinhos

Marco Ferreira disse...

Bonita imagem.

Continuação de boa semana.

marinheiroaguadoce a navegar

peciscas disse...

Se não te importas, Isabel, prefiro a casa portuguesa que o teu excelente trabalho ilustra, Á que foi celebrizada pela Amália.
De facto, coisas como

A alegria da pobreza
está nesta grande riqueza de de dar, e ficar contente.

veiculava valores de conformismo ("pobrezinhos mas limpimhos...")que não fizeram nada bem ao nosso país.
Mas isto é apenas a minha opinião, um pouco contra a corrente dos outros comentários.Mas já sabes que, com gente de quem gosto (como tu) sou sempre o mais sincero possível.
Uma excelente semana para ti, no trabalho e na blogosfera.

guiga disse...

Fantástico posT! :D
Beijinhos *.*

DelfimPeixoto disse...

E como é linda uma casa portuguesa...
bjs

disse...

Isabel que post maravilhoso...tudo da música `a poesia e desenho...
Boa semana para ti também
beijnhos

mfc disse...

Um traço impressivo e contador de histórias.
Parabéns.

Mário Relvas disse...

Uma casa portuguesa, um blog lindo de uma portuguesa.

Boa semana com amizade

disse...

Gostei da sincronia desenho - música.

Bjo

SILÊNCIO CULPADO disse...

Isabel

Quem ama uma casa portuguesa, a tradição, as coisas simples, tem uma alma grande de afectos.

Linda imagem como sempre.

Abraço

Isabel-F. disse...

Marco,

Obrigada e beijinhos para ti

Isabel-F. disse...

peciscas,

obrigada pelas tuas palavras em relação à imagem ...

claro que pegando nos dois versos do modo como tu lhes pegaste ... tenho de te dar razão ...

no entanto, não creio que fosse essa a intenção de Reinaldo Ferreira, até porque esse não era o seu espírito nem a sua maneira de estar ... pelo menos é o que eu entendo de tudo quanto li dele ...

e claro que me conheces e sabes que eu prefiro sempre a sinceridade ...

beijinhos e o meu carinho para ti

Isabel-F. disse...

guiga,


obrigada

bjs

Isabel-F. disse...

Delfim,

eu acho o mesmo ...


bjs

Isabel-F. disse...

Vi,


Fico feliz com a tua presença e feliz tb por teres gostado ...


beijinhos

Isabel-F. disse...

mfc,


obrigada ...


beijinhos para ti

Isabel-F. disse...

olá má

bem vinda aqui ao meu sítio...

obrigada pela visita e pelo teu comentário ...

volta sempre que queiras ....


beijinhos

Isabel-F. disse...

Lidia,

Obrigada ...

acredita é o que eu sinto ... gostos de coisas simples... amo Portugal e os nossos pequenos "quês"....


beijinhos para ti

Ana Oliveira disse...

Perfeitamente adequado.
Adorei o grafismo e a cor
Beijo
Ana

Um Poema disse...

...

E como eu gosto deste fado...

Um abraço

...