quinta-feira, julho 19, 2007

Are you Afraid of Dark ? - II

18 comentários:

Cleopatra disse...

Não. Não tenho medo nemhum. Um bj e bom dia.

Marco Ferreira disse...

O contraste da cor dos olhos com o preto/branco está demais.

Fiquei hipnotisado a olhar para aqueles olhos.

Então essas férias?

marinheiroaguadoce a navegar

Amaral disse...

Isabel
com estes olhos tão meigos não me assusto.
Bjo

irneh disse...

Cada trabalho teu é uma surpresa. Gosto muito destes, mas o último é maravilhoso, sobretudo os olhos...

Beijinhos

Belzebu disse...

Deste escuro, não posso ter medo, tenho é fascínio! O preto/branco, com aqueles olhos penetrantes fazem deste , um dos melhores trabalhos que te vi realizar!

Um abraço infernal!

hilda disse...

O escuro é misteriosos, gosto de mistérios e um escuro como esse da tua imagem, me encanta!

Beijocas

olga disse...

Às vezes um pouco de todo o silêncio.

Beijinhos*.*

Miguel disse...

Às vezes ...!

Bjks da M&M& Cª!

Papoila disse...

Perdida neste escuro cheio de luz ...

Lindo

Beijos
BF

peciscas disse...

Não tenho, normalmente, medo do escuro.
E deste, muito menos. Pelo contrário, até me encanta!

Ruvasa disse...

Hi, Isabel!

Nope! I'm not afraid of dark.

Yep! I'm so afraid of darkness.

O escuro não deve meter medo a ninguém, excepto às criancinhas, mas mesmo a essas só até aprenderem a não o ter; no entanto, a escuridão, essa é medonha. E nós estamos a viver na escuridão.

Beijinho

Ruben

C Valente disse...

Boa noite, (palavras para quê)
Saudações e um bjo

C Valente disse...

Boa noite, (palavras para quê)
Saudações e um bjo

Águas da Vida disse...

Excelente tonalidades, por que sera o preto e o branco é atraente? Adoro fotos em preto em branco talvez seja por serem cores que nos mostrem a verdadeira beleza?
Uma excelente quinta-feira querida amiga.
Big Kiss

Cristina disse...

Por acaso não tenho, mas com esta imagem, fiquei um pouco heehee
:)

está maravilhosa como sempre
:)
BEIJINHU

marta disse...

Só quando era pequenina

depois...não houve outro remédio se não deixar-me dessas mariquices

Um Poema disse...

O escuro (às vezes) até é conveniente. Em qualquer caso porque há-de meter medo?...

Fabuloso este contraste.

Um abraço

Paula Raposo disse...

Lindíssimo!!